Casa Cor Brasilia 2016 – Espaço “Com açúcar, com afeto”

Assinado pela designer de interiores Desirée Nassaralla e pelo arquiteto Marcelo Marcolino, o ambiente de 60 m2 conta com uma cozinha, sala de estar e de jantar onde o traço marcante é o aconchego

 

Brasília, 20 de setembro de 2015 – O nome do ambiente não poderia ser mais adequado: “Com açúcar, com afeto”. Eis o espaço da designer de interiores Dessirée Nassaralla e do arquiteto Marcelo Marcolino, que se uniram nesta edição da Casa Cor Brasília 2016, que tem início dia 22 de setembro e vai até 9 de novembro, nas dependências de um centro médico, na QI 9 do Lago Sul, mesmo local que abrigou a exposição no ano passado.

Trata-se de um espaço de convivência, que inclui cozinha, sala de estar e de jantar, com 60 m2. “Como o tema deste ano da mostra é celebração, buscamos resgatar, em nosso ambiente, os laços afetivos dos tempos da vovó, utilizando muitas fibras e tecidos naturais, além de peças dos anos 50”, explica Marcelo Marcolino, que participa pela segunda vez do evento (no ano passado, Marcolino assinou o Salão de Eventos, do Senac-DF).

Estreante na Casa Cor Brasília, Desirée Nassaralla conta que a parceria com Marcelo resultou em um ambiente simples, mas de extremo bom gosto. “Abusamos de tons neutros e off white, além de mobiliários de madeira e tecidos crus”, detalha a designer de interiores, lembrando que o espaço é o único na mostra a utilizar bancadas de porcelanato (no caso, da Portobello).

1-com-acucar-com-afeto-foto-edgar-cesar

A geladeira original dos anos 50 de cor dourada, combinação de pendentes sobre a mesa de jantar; marcenaria com design retrô e pintura em laca preta; e o carrinho de chá, produzido em marcenaria e assinado por Jorge Zalszupin, são o charme do espaço, que tem projeto luminotécnico de Cristina Bertolucci.

Viagens e, principalmente, as memórias dos almoços em família do arquiteto e da designer foram as grandes inspirações para a concepção do projeto. Os profissionais apostam no Design Retrô, que evoca a cultura do passado pós-moderno e traz para o mundo contemporâneo estilos de bom gosto que marcaram épocas gloriosas, em releituras que harmonizam o antigo com o novo de forma encantadora que resgatam a forma simples de viver e de ambientação. O ambiente resgata memórias de afetividade e tem elementos que visam ao conforto e às sensações de bem-estar.

“Dentro da proposta da mostra este ano, que comemora 25 anos, resolvemos celebrar o conforto e a simplicidade”, afirma Desirée.

O espaço conta com materiais diversos dispostos em formas geométricas em ziguezague, conhecidos como espinha-de-peixe ou Chevron – que são extremamente versáteis e estão de volta ao cenário internacional de decoração. Presente em detalhes dos revestimentos, o desenho confere ritmo e movimento graças à sua padronagem que pode ter vários tamanhos e cores. Além disso, materiais com aspecto natural e de formas simples arrematam a decoração, sem exageros.

4-com-acucar-com-afeto-foto-edgar-cesar

As pesquisas que nos levou a criar o espaço “Com açúcar, com afeto” surgiu por meio de referências inspiradas no Design Retrô, que evoca a cultura do passado pós-moderno e traz para o mundo contemporâneo estilos de bom gosto que marcaram épocas gloriosas, em releituras que harmonizam o antigo com o novo de forma encantadora que resgatam a forma simples de viver e de ambientação”, explica Marcolino.

Com 49 dias de realização, a Casa Cor Brasília 2016 reúne em uma área construída de cerca de 5 mil m2, 40 ambientes distribuídos em dois pavimentos.  Assinada por cerca de 70 profissionais renomados e jovens talentos, os espaços da mostra apresentam as últimas novidades em móveis, objetos, revestimentos, cores e texturas, tendências do segmento de decoração, design e paisagismo, servindo ainda como importante plataforma para lançamento de produtos.

6-com-acucar-com-afeto-foto-edgar-cesar

 

Sobre os arquitetos – Marcelo Marcolino, nasceu em São Paulo, mas se diz brasiliense de coração, já que vive na capital desde criança. Formou-se em Relações Públicas e em Publicidade e Propaganda, mas encontrou na Arquitetura e no Urbanismo o ambiente perfeito para fazer o que realmente gosta: dar vasão à sua criatividade. Formado em Arquitetura, pela Unieuro, tem entre seus principais projetos a reforma da sede da Fecomércio-DF. “Mas a minha praia é mesmo a Arquitetura de Interiores, sobretudo de empreendimentos residenciais”, afirma.

Marcolino desenvolve projetos de Arquitetura para espaços residenciais, comerciais e corporativos e traduz os desejos do cliente em projetos acolhedores, atemporais e que refletem personalidade própria, resgatando memórias e características de cada um. Acredita na Arquitetura como motivador de transformação na vida de quem habita o espaço.

Já Desirée Nassaralla, nasceu em Santos Dumont (MG) e mora em Brasília desde 2003.  Formou-se em Análises de Sistemas e posteriormente em Design de Interiores, pela Projettare. Desirée diz se identificar muito com o segmento residencial e adora ver materializados os seus projetos customizados para a necessidade de cada cliente. Entre os destaques de sua carreira profissional, como designer de interiores, ela elenca a Mostra Líder de 2013, quando foi responsável pela concepção do Loft do Rapaz; e o apartamento de três quartos decorado, da Vilella e Carvalho, do empreendimento Audace, localizado no bairro Noroeste.

Desirée Nassaralla considera que a casa é o reflexo do nosso jeito de ser. Pensando assim, a mineira dedica-se à elaboração de projetos que visam a qualidade de vida de seus clientes através da funcionalidade aliada à simplicidade e organização.

Entre os destaques do projeto estão:

– Porcelanato com impressão em alta fidelidade inspirada em rochedo da região do mediterrâneo e com atmosfera natural e rústica;

– Mosaico em madeira natural filetado de forma artesanal em formato de espinha de peixe;

– Cobogó minimalista em concreto na cor branca;

– Painel com pintura de artista local;

– Móveis de madeira maciça de manejo sustentável e tecidos naturais;

– Peças decorativas de iluminação em madeira maciça e tecido natural;

– Iluminação técnica em LED;

– Itens de decoração com design retrô dos anos 50;

– Paisagismo com plantas naturais.

7-com-acucar-com-afeto-foto-edgar-cesar

 

O que: Casa Cor Brasília 2016

Onde: QI 9  lote D  Comércio Local – Lago Sul (antigo Inacor – Instituto Nacional do Coração)

Quando: 22 de setembro a 9 de novembro de 2016

Horário: De terça a sexta, das 15h às 22h; aos sábados e domingos, das 12h às 22h.

Ingressos: R$ 46 (inteira) / R$ 23 (meia) para estudantes e pessoas com 60 anos ou mais) Crianças de até 11 anos não pagam.

Passaporte único: R$ 150.

Informações: (61) 3248-4638 / 3248-6902

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA – DESIRÉE NASSARALLA E MARCELO MARCOLINO
Proativa Comunicação

Contato: Bruno Aguiar (61 9 8195-9402) / Flávio Resende (61 9216-9188) / Daniel Marques ( 98319-7886)

Tel.: (61) 3242-9058

E-mail: proativa@proativacomunicacao.com.br

Twitter: ProativaC

Facebook: www.facebook.com/proativac

Instagram: proativacomunica

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s