Guia básico para criar seu blog – parte 1/2

Quando a gente está começando a fazer um blog existem ainda muitas dúvidas. Conversando com umas amigas, elas sugeriram escrever um guia básico para poder se orientar. Agora, é importante ter disciplina. Ele não irá crescer se você não se dedicar e se organizar pra poder escrever ao menos um post a cada quinze dias.

Pra facilitar a leitura, separei o guia em 2 partes. No final da 2ª parte, você poderá baixar e guardá-lo pra futuras consultas. Então, prepare-se! Este guia ficou muito bacana. É um começo pra você! Tenho CERTEZA que vai ajudar VOCÊ a entender melhor como funciona um blog. Neste guia, vou mostrar os conceitos principais e como podemos criar a partir do WordPress (que é onde eu tenho mais fluência).

guia-blog-wordpress

1. Conceitos 

Neste item selecionei alguns conceitos que são bons pra gente entender onde está entrando. Ok, muitas já chegam e já fazem “direto” seu blog. Mas eu, particularmente, procuro saber se o que eu vou fazer vai ter segurança e fundamento. Seguro no sentido se não vou ser hackeada ou invadida por vírus, etc. Sim, eu penso nisso… rss… A escolha do WordPress não foi à toa. Teve um por quê.

Blog – Um blog, por conceito, é como se fosse um “diário”, onde você se apresenta, escreve em formato de artigos, sobre o tema escolhido. Todos podem ter um blog, como falei acima, basta ter uma disciplina pra escrever. Tenha CERTEZA que alguém sempre lê.

Post – Post ou artigo é justamente onde você vai criar o que você vai escrever. Eu costumo chamar de Post mesmo.

Mídia – É chamado de mídia as imagens, vídeos e arquivos de diversos formatos (PDF, WORD, XLS – Excel) disponíveis para serem usados no seu post.No WordPress você encontra como item do menu. Acaba sendo uma biblioteca pra você.

Upload – É quando você carrega uma mídia a partir do seu computador. Você está fazendo uma cópia do que existe em sua máquina e gravando na sua biblioteca do blog.

Widgets – Eu diria que os widgets são pequenas funções pra você colocar na lateral do seu blog como destaque, como suas redes sociais, uma imagem com link (daquelas com promoções ou afiliados), as categorias, os últimos posts ou aqueles que “flutuam” pedindo seu e-mail ao entrar no blog. Ah! Cuidado pra não poluir seu blog, tá? Dependendo do tema que você escolher, você terá alguns widgets disponíveis. Eu escolhi um tema que eu poderia ter a opção de pesquisar e ter redes sociais. Nem todos tem.

Avatar – O avatar é como se fosse um logo ou uma imagem que você quer criar pra que seja exibida em outros posts ou quando você fizer algum comentário em outros posts/blogs. Normalmente a gente coloca uma foto. O próprio sistema identifica se você já tem avatar e encaminha para uma página para cadastro, caso não tenha. No WordPress, ele direciona para um site onde cria-se uma conta com sua imagem.

Tema – existem duas definições pra tema: aquela imagem ou layout que você quer dar para o seu blog e o tema ou assunto que você irá falar. Simples assim.

Layout – o layout é a identidade do seu blog. Ele terá o seu logo, a sua imagem, as cores e tudo que se refere que identifica o seu blog. Além da diagramação ou disposição dos seus posts já criados. É importante este item uma vez que poderá atrair mais gente para o seu blog ou simplesmente espantá-lo.

Tag – as tags são importantes porque são elas que determinam a forma de buscar e encontrar o seu blog. Imaginem, como me disseram uma vez, que tag é simplesmente como você buscaria algo. Exemplo: para este post, coloquei a tag “como criar seu blog”. Com esta tag, quando alguém for procurar por blog ou como criar um blog, ele irá aparecer na pesquisa Google mais rapidamente. É MANDATÓRIO o tag estar dentro do texto. Coisas de SEO, uma ferramenta ou plug-in de otimização.

Resumo – esteja atento escrever o resumo SEMPRE o resumo ao final de cada post. Por quê? Porque ele será sua descrição no Google. Se o Google não achar sua descrição, acha que seu post não é importante. Simples assim.

Categoria – Cada post que você escreve pode ser classificado ou organizados por categoria. Ao classificar por categoria ajuda o WordPress (ou outra plataforma) a mostrar ao final de cada post o que você também poderá gostar. Leituras complementares.

Plataforma – E por falar em plataforma… plataforma é onde serão criados e armazenados os seus posts. Cada plataforma possui uma característica um pouco diferente. Vou citar 3 dos mais conhecidos: WordPress, Blogger (do google) e Tumblr.

Provedor – irá fornecer o seu acesso ao blog. Teoricamente, um provedor de internet possibilita que você “veja” o conteúdo do seu site. É lá onde ficará hospedado. De acordo com Wikipedia: “Um Fornecedor de acesso à Internet ou Provedor de serviço internet (em inglês Internet Service Provider, ISP) oferece principalmente serviço de acesso à Internet, agregando a ele outros serviços relacionados, tais como “e-mail“, “hospedagem de sites” ou blogs, entre outros.

Outra definição: Provedor = é o que dá acesso à internet. Existem provedores pagos e gratuitos, como o Terra, o UOL, o POP, a NET, e outros cuja finalidade é garantir a via eletrônica para a transmissão de conteúdo, ou seja, sem uma conexão a algum provedor não há acesso à internet.

Servidor: é o que serve e hospeda conteúdo. São equipamentos normalmente atrelados a enormes Datacenters onde ficam realmente as páginas da internet, programas de email, além da ampla variedade de arquivos (imagens, textos, vídeos, áudios, etc..) que são os “conteúdos” propriamente armazenados como “arquivos” nos servidores.

Hospedagem – vamos pensar que um blog, nada mais é do que uma página na internet, então, pensando nisso, você tem que ter um lugar onde você vai hospedá-lo pra que seja visto pelos outros em qualquer lugar. Essa hospedagem pode ser um provedor de serviços como a LocalWeb, KingHost e até mesmo o próprio blog que você se cadastrou.

Como está aqui? Tranquilo? Vejam, estes conceitos são bons para você ter em mente ou ao menos ter uma noção deles pra que você possa ter controle do que você faz e irá fazer no seu blog.

 

2. Plataformas mais conhecidas para criar um blog

O WordPress eu tenho mais propriedade pra falar: é uma ferramenta que possui opções no menu para inserir mídias, novas páginas, comentários, feedback, mudar aparência, usuários, ferramentas (onde você faz sua configuração) e quando você está hospedado em algum provedor, também possibilita você ter acesso aos plug-ins, que são complementos ou funcionalidades que ajudam o seu blog a ficar melhor.

No e-blogger você deverá ter uma conta do Google. Ele é um pouco diferente do WordPress. O conceito é o mesmo. Possui temas, categorias e local para escrever o post. Por que não escolhi? Porque não me identifiquei. Achei um pouco desorganizado. Nem tão completo assim ou na época, nem tão simples. Ok. O WordPress é mais complexo? Diz a lenda que sim. Mas por incrível que pareça, me achei mais nele.

O Tumblr achei simples demais. Não gostei mesmo logo de cara. Desculpe pra quem gosta. Achei muito simples. É prático. Você já chega e escreve. Bem prático mesmo. Não tem muitas coisas e muita informação. Justamente. Seu blog vai ser muito “igual” aos outros. Em cada logo abaixo, coloquei os links de cada um deles. Depois vejam pra vocês conhecerem.

Wordpress
WordPress

 

blogger

Tumblr_Logo.svg_

 

3. Como criar um blog 

Agora FINALMENTE, a parte que você gostaria de saber. Como criar um blog realmente? Pra criar um blog, existe um pequeno roteiro que montei pra você entender passo a passo o que está fazendo:

CRIANDO O SEU LOGIN

1. Escolha a plataforma de sua preferência. Para este caso, escolhi o WordPress.com (porém existe o WordPress.org, aqueles disponíveis em site de hospedagem).

2. Siga as etapas indicadas no WordPress. O WordPress é em português e ele orienta o que você deverá fazer em cada etapa. É bem legal. Bem tranquilo de entender.

3. Escolha um nome para o blog. Qual será? Dica: se você for fazer um blog sobre decoração ou design, escreva no nome. O motivo é simples: é mais fácil de entender do que se trata. Mas claro, fica ao seu critério o nome, ok? 🙂

ACESSANDO O PAINEL DE CONTROLE

Tá empolgado pra continuar? Então vamos lá… tem ainda algumas coisas pra você entender até você chegar no seu primeiro post. 🙂

O Painel de Controle é sua parte gerencial, onde você irá acessar os seus posts, imagens e tudo relacionado ao seu post, além de ver as suas estatísticas. Reparem na imagem abaixo. De maneira geral, você terá do lado esquerdo o seu menu de acesso ao itens do seu blog. Na parte central, todas as informações principais: estatísticas, número de posts, comentários, número de páginas escritas e outros itens que também podem ser úteis pra monitoramento.

painel-controle-wordpress

 

Na imagem acima, você percebe que existem números em vermelho apontando os principais itens que vamos trabalhar e acessar mais.

URL ou endereço de acesso – este endereço é bom você mantê-lo guardado porque ele será o seu principal acesso para o seu blog. É a parte administrativa. Logo após informar o login/e-mail e senha, você será direcionado para este painel de Controle. Neste caso, ela chama: http://fabidesign2013.wordpress.com/wp-admin, onde wp-admin = wp = wordpress e admin = administrator ou administrador.

URL-wordpress

Estatísticas – Apesar que está uma linha contínua, é neste item que você tem um breve acesso de quantas pessoas por hora estão visualizando o seu blog. Ao clicar nele, você é direcionado para as estatísticas.

Estatiscas-wordpress

Posts – este será o seu item MAIS acessado por você. É nesta opção que você cria os seus posts ou seus artigos.

post-wordpress

Mídia – as mídias são as suas imagens que você irá colocar no seu post. É a sua biblioteca de imagens, vídeos e arquivos que você possui dentro do WordPress.

midia

Páginas – as páginas são interessantes quando você quer criar um Fale Conosco ou algo fixo pra que vejam de importante SEMPRE.

paginas-wordpress

ESCOLHENDO O TEMA PARA O WORDPRESS

Você pode escolher o tema de fundo do seu blog ou na etapa inicial acima ou quando você entrar no Painel de Controle é possível também alterar o seu tema acessando: no menu lateral Aparência > Temas. O WordPress possui temas gratuitos e os temas pagos. Em um primeiro momento é interessante se manter com o gratuito (que são vários) e depois com o tempo, você pode migrar para um pago.

Na imagem abaixo, vejam que logo na barra existem as seguintes opções: Em Destaque (está selecionado em azul), Populares (são os mais comuns e escolhidos) e os Mais recentes (atualizações do wordpress). Lá do lado direto você tem a opção também de selecionar TODOS (seleciona todos os temas), GRATUITOS (exibe todos os temas que são gratuitos) e os PREMIUM (aqueles que serão pagos – os valores são em dólares) .

O tema que fica em Em Destaque primeiro é aquele que você está usando atualmente, que eles chamam de Ativo. No meu caso, estou usando o tema Expound. O motivo de ter escolhido este tema é por achar mais organizado e fácil de ler, além de ter a opção do botão de pesquisa. Este o pessoal se adaptou melhor pra ler também.

temas-wordpress

 

CRIANDO UM POST

Já escolheu um tema? Está preparado pra escrever o seu primeiro post? Mas realmente do que você vai precisar para escrever? Abaixo eu selecionei a ordem que costumo escrever. Claro que não é mandatório e com o tempo, cada um encontra uma forma de organizar o seu post.

1. Fonte de inspiração e imagens – antes de tudo mesmo, procure uma fonte de inspiração de onde você vai extrair as imagens e separe em uma pasta no seu computador. As fontes deverão ser separadas e depois referenciadas no seu blog. Chamo de fontes de inspiração, no meu caso é o Pinterest, Amazing Interior Design, Home DSGN, dentre outras referências que possuem boas imagens e ideias. Veja uma das imagens para o meu segmento de decoração:

design-your-kitchen-with-a-cool-color-scheme-2
Amazing Interior Design

 

Maison-de-Vacances-04-850x567
Home DSGN

2. Acessando POSTS 

Através do Menu, clique em Posts. O WordPress direciona para a tela onde contém a lista de todos os posts que você já criou. Mas vamos entender o que você irá fazer aqui:

Adicionar Novo – é ele o botão PRINCIPAL. Ao clicar nele, você será direcionado para uma tela onde mostrar o conteúdo a ser preenchido por você.

A lista é visualizada por Título. Temos as opções de ser ordenada ou visualizada por: Publicados e Rascunhos. Esta divisão é feita porque você pode a qualquer momento visualizar os posts que já foram publicados por você e aquele que ainda estão como rascunhos. Esta lista irá conter as seguintes colunas:

Título – título do seu post – o título será um link, onde ao passar o mouse em cima dele, você verá as seguintes opções: Editar | Edição rápida | Lixeira | Visualizar

criando-posts-wordpress

3. Adiconar Novo

Para criar um Novo, acione o botão Adicionar Novo. O WordPress direciona para uma outra tela conforme exibido na imagem a seguir. É nesta tela que você irá escrever o seu Post. A versão que estou usando para WordPress (WordPress.com) é da própria plataforma deles. Ou seja, caso você utilize uma versão do WordPress que está em um Provedor, haverá uma leve diferença quando as informações apresentadas nesta tela.

O que você terá que preencher para seu blog: 

Título – onde o próprio WordPress já indica onde estará localizado.

Texto – Logo abaixo do título, temos 4 botões que estarão disponíveis pra uso (Adicionar Mídia, Adicionar Enquete, Adicionar Formulário de Contato, Adicionar localização). Veja, esta opção somente aparece que você tiver privilégio pra poder incluir. O que são privilégios, se você for um usuário do tipo Administrador. Caso ao contrário, não irá aparecer.

Tag – A tag, como dito acima, é uma forma de encontrar o seu post. Coloque as principais que tem a ver com o que você escreveu.

Categoria – Classifique seu blog sempre que possível. Por padrão, no momento de você escrever seu blog, as categorias ficam sem classificação. Exemplos de categoria: Casa Cor (toda vez que alguém ler um post sobre a Casa Cor, no final do seu post, será recomendado outros posts sobre o mesmo assunto). Pra adicionar basta clicar em +Adicionar nova categoria e informar o nome dela.

Resumo – Faça um resumo do seu post. É sempre muito bom! Pense que as pessoas quando estão procurando querem um resumo do que buscam pra depois acessar o seu post.

Salvar – este botão fica do lado direito do seu post. Ele é substituído por Atualizar quando você publica. Sempre SALVE seus posts. Vai que… você perdeu um tempão elaborando um texto e por alguma razão você não terminou naquela hora e quer continuar depois.

adicionar-novo-post-wordpress

texto-Blog-wordpress

Adicionar Imagem

Lembra que lá em conceitos comentei sobre Mídia? São as nossas imagens. Agora é a hora de incluir uma mídia. Eu vou adicionar uma imagem do meu computador para o post da seguinte forma:

1. Acione o botão Adicionar Mídia (aquele botão embaixo do título). Selecione a opção Enviar Arquivos, como mostrar a imagem abaixo. Em seguida, selecione o botão central: Selecionar arquivos.

adicionarMidia

2. Selecione a imagem que você deseja a partir do seu computador e depois de seleciona a imagem, acione a opção Abrir. . selecionarMidia

3. Irá aparecer a opção para que você insira no post. Acione o botão Inserir no Post. Ele está no seu canto direito, embaixo.

inserir-img

 

4. Ficará desta forma no seu post:

imagemInserida

AO FINALIZAR O POST

Acabou de escrever? Então está na hora de PUBLICAR. Publicando você já vai ter seu primeiro post no ar. Pra isso só acionar o botão Publicar, localizado do lado direito do post.

O WordPress irá direcionar para uma página mostrando o seu post e a quantidade de posts que você já escreveu. Pra que você possa compartilhar o link e divulgar, você tem que copiar a URL que está lá no alto da sua página. Este é o endereço do seu post.

Exemplo de endereço do seu posthttps://fabicorderodesign.wordpress.com/2015/11/25/guia-basico-para-criar-seu-blog-parte-12/

Onde:

https://fabicorderodesign.wordpress.com – é o endereço do seu blog

/2015/11/25/ – é a data que você criou.

guia-basico-para-criar-seu-blog-parte-12 o título que você deu para o seu post.

FINALIZANDO

Para você tornar público o que acabou de escrever e selecionar com tanto carinho, basta apenas selecionar a opção PUBLICAR. Claro, aqui neste exemplo eu coloquei o básico. Sim, existem mais coisas que seriam interessantes colocar por aqui, mas por enquanto, neste primeiro Guia, você já vai se virar bem. O que você viu foi:

  1. Conceito
  2. Plataformas
  3. Como criar um blog
  4. Como criar seu primeiro Post.

Foi bastante coisa né? Nem eu, honestamente falando, sabia que era tanta coisa assim! Mas vamos lá! Vamos tentar? Vamos lá colocar na prática aquelas ideias FANTÁSTICAS que eu sei que você tem? Bora fazer um post?

Na próxima parte você vai poder baixar e ainda procurar entender mais as estatísticas, com monitorar e um planejamento básico para você divulgar seu blog. Aguarde! Você vai adorar! 🙂

Ajudou? Gostou? Tem dúvidas? Deixe aqui nos comentários. Irei responder sim… 🙂 Espero que ajude vocês!

Bjs,

Até a próxima.

Fabiola

E nos acompanhe:
→ Instagram: @fabicorderodesignedecoracao

→ Nossa Fan Page: /fabicorderodesignedecoracao

instaFabi faceFabi emailfabi

Credenciada pela ABD sob nº : 15670 – Categoria: Profissional – São Paulo – SP

 

Anúncios

Um comentário em “Guia básico para criar seu blog – parte 1/2

  1. Que ótimo post! Encantada com a sua capacidade de deixar tudo tão simples! Tão explicadinho! Obrigada por compartilhar sua experiência. Aguardo o próximo post! Bjos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s